Jane Graziele

Senior Partner/Channel Marketing Manager, Bing Ads Brazil
POSTS DO BLOG

E-Leadership: a Liderança Millenium

 

É comum notarmos em muitas das conversas entre as lideranças executivas de grandes empresas a temática “Perfil do Profissional Geração Millenium”. Muito se comenta e reclama sobre a postura dessa nova geração que beira a frustração, mas a verdade é que mais difícil do que lidar com esta geração, é encontrar lideranças “aspiracionais” que saibam aproveitar esses jovens. Chamamos estas lideranças de E-leaderships.

Todas as empresas vêm transformando e direcionando seu modelo de negócio para Drivers da Era Digital, no IAB Brasil temos esta pauta mensalmente em nossos comitês, mas algumas esquecem dos principais “condutores”: lideranças. Investe-se muito em estrutura de TI e treinamento para essas ferramentas, mas pouco na “reciclagem” de seus executivos. Raras as exceções, muitos líderes ainda continuam na postura “old-school”, reclamando da geração que é literalmente o “API” para as novas oportunidades mercadológicas.

Obviamente, os E-leaderships não precisam saber sobre códigos (nem API), nem arquitetura de informação, ou análise de big data, mas precisam estar de corpo e alma abertos às novas tendências. Muitas são as características a serem descritas para um verdadeiro E-Leadership, mas citarei neste artigo unicamente quatro, as quais considero o “ponto da virada” de um líder da geração Millenium.

A primeira é o estado de não ser mais “chefe”. Chefe é coisa do ontem (véio). Vivemos em uma economia cada vez mais colaborativa, então, liderança é aquele que sabe unir as peças no tabuleiro e vencer o jogo junto. Não existe um ganhador, mas sim o coletivo. Mesmo assim essa geração respeitará um líder, e esse será reconhecido pela segunda característica do E-leader: “inspiração”.

Nem poder técnico, nem admiração, a geração Millenium quer ser inspirada. Quer se levantar todos os dias e trabalhar com pessoas que vão fazê-las sonhar, acreditar mas, acima de tudo, realizar. Seja alguém inspirador antes de carismático. Dê a liberdade de criar e compartilhar suas ideias com todos e, mais do que nunca, não julgue ideias às quais continua ignorante.

A terceira característica é a coragem. Na Era digital muito se testa e muito se erra. É uma época empreendedora e muito inovadora. Prepare-se. Ninguém sabe, todos aprendem simultaneamente. As apostas são altas e quem se arrisca primeiro tende a maximizar os ganhos. Desafie-se e mostre sua coragem para seus liderados.

A última e mais difícil de mudar: crenças. Para não nos alongarmos, darei um exemplo. Quando um de seus “liderados” Millenium afirmar que o formato tradicional de televisão não existirá mais nos próximos 5 anos, que a geração Baby Boomer consumirá mais vídeo on line que novela, que um blog trará mais resultado que um patrocínio na quadra de tênis ou mesmo que a indústria de petróleo é fadada a falência, segue uma dica: não faça cara de pai entediado com ideias de adolescentes e lembre-se rapidamente que a “Terra do Nunca” não existe mais, afundou com Peter Pan e todos os outros personagens. Hoje vivemos na “Terra do Tudo é Possível” e você talvez seja o peixe fora d´agua, por isso escute, anote, procure encorajá-lo a trazer mais dados, aprenda e caso não tenha coragem de ser o pioneiro, acompanhe de perto todas as mudanças. Quem sabe, ainda, você saiba correr. #ficaadica, urgh! Coisa de véio.

Este artigo foi escrito a pedido do IAB Brasil  - http://iabbrasil.net/

Conheça o IAB Brasil:

Com mais de 230 associados, o IAB Brasil (Interactive Advertising Bureau) reúne as principais empresas do mercado digital entre veículos, agências, anunciantes e empresas de tecnologia. Entidade sem fins lucrativos, tem como missão contribuir para o desenvolvimento do segmento interativo no Brasil incentivando à criação de boas práticas em planejamento, criação, compra, venda, veiculação e mensuração de ações publicitárias.

Continuar lendo

Inbound marketing: Aumente seu tráfego com Bing Ads

 1

O inbound marketing, também conhecido como marketing de atração, é a metodologia que tem chamado mais atenção no mercado digital. Ao sair da lógica do outbound marketing e dialogar diretamente com as necessidades do lead, a nova estratégia cria uma relação de confiança entre marca e consumidor, aumentando a autoridade da empresa.

Diferentemente do marketing comum, o consumidor não é impactado com informações das quais ele não pediu, mas sempre com conteúdo de seu interesse, uma vez que ele o buscou, seja impulsionado por Bing Ads, blogs ou mídias sociais. Assim, a interação com o lead não é invasiva e as chances de conversão se tornam consideravelmente maiores.

 

Custos e resultados motivam o crescimento 

O inbound marketing gasta 62% menos que o tradicional em cada lead gerado e ainda conta com uma taxa de conversão maior, porque a mensagem é passada ao público no momento oportuno e de maneira eficaz.  

Para mensurar os resultados, o inbound também tem vantagem: enquanto neste é possível acompanhar conversões em tempo real e corrigir erros imediatamente, no outbound os resultados aparecem apenas meses depois e a correção de equívocos é bem mais complicada. 

Abaixo, mais indicadores do sucesso da estratégia:  

  • 93% dos processos de compra se iniciam em uma busca online - evidenciando a importância do trabalho em links patrocinados, como o Bing Ads;
  • A média de ROI produzido pela ação é de 275%.

 

Processos

São 4 etapas fundamentais para a realização do trabalho de inbound marketing: atrair personas com conteúdo interessante e por links patrocinados em buscadores, como o Bing; converter visitantes em leads; transformar lead em cliente; e encantar clientes, transformando-os em promotores de seu produto ou serviço.

É importante criar o conteúdo planejado no lugar adequado, para cativar o público-alvo e atrair interações positivas para a marca.

 

Funil

Planejar: bom conteúdo é pré-requisito para uma forte presença nas mídias sociais. Então, planejar é fundamental.

Alcançar: blogs e mídias sociais devem ser aproveitados para impactar mais leitores e possíveis consumidores. Uma boa lista de e-mail também é de grande ajuda.

Agir: sempre auxiliar o leitor a lidar com seus problemas, apresentando sugestões e materiais adicionais, terá como consequência vendas futuras.

Converter: ao agradar ao leitor, a conversão de cliques em vendas terá maior garantia.

Engajar: após uma boa experiência, a ideia é que o cliente se torne um seguidor e promotor da marca.

 

As ferramentas para o sucesso

E-mail: ter uma boa estratégia de e-mail marketing é o início para estruturar o planejamento, possibilitando o crescimento da marca.

SEO/SEM: a otimização do conteúdo nos buscadores, como o Bing, permite que o site chegue aos leitores/consumidores. Já os anúncios comprados por meio do Bing Ads permitem rápida atração de potenciais clientes, maior controle de custo e ainda facilitam na mensuração de resultados. A opção pelo Bing Ads faz ainda mais sentido por ser mais barato que seus concorrentes e com maior possibilidade de ver sua marca no topo do buscador.

Mídias sociais: sua mensagem ganha força e autoridade quando compartilhada nas mídias sociais.

Blogs: os blogs fornecerão conteúdo para que leitores acessem seu site mais vezes e consumam mais informação. Conquistar o leitor pode significar conversão em vendas.

 

Comece agora!
Não vai demorar muito para que o inbound marketing se torne indispensável. Na verdade, esse processo já está ocorrendo. A marca que não tiver comunicação direta e não invasiva com seu cliente perderá a oportunidade de converter e, consequentemente, sentirá o peso em seu orçamento.

 

Este artigo foi escrito em parceria com Eric Gomes, sócio da Agência Linka, especializada em inbound marketing e performance digital.

Continuar lendo

Garanta melhores resultados neste Dia dos Pais com Bing Ads

 FathersDay

A crescente busca pelo comércio eletrônico para realizar compras mais inteligentes não é novidade. Em tempos de crise, esta tendência se acentua, pois o consumidor já incorporou a procura pelo melhor custo X benefício ao seu dia a dia.

Os números comprovam: o setor fechou 2015 com faturamento de R$ 41,3 bilhões, o que representa crescimento de nominal de 15,3% (sem descontar a inflação), segundo dados do relatório Webshopper feita pelo e-bit.

Para este ano, a previsão de crescimento nominal de 8%, em comparação com o varejo físico, cuja previsão é de queda superior a 3%, mostra verdadeira resiliência deste setor. Ainda segundo dados do relatório, o crescimento será sustentado por uma tendência que cresce de forma expressiva: a venda mobile.  Atualmente as vendas por dispositivo móvel representam 12% do faturamento do setor.

Momento de impulsionar vendas

Celebrado no segundo domingo de agosto, o Dia dos Pais em 2016 ocorrerá dia 14 de agosto. Para comprar presentes em datas sazonais como esta, muitos brasileiros irão recorrer à internet e suas campanhas precisam estar preparadas para aproveitar esta oportunidade.

Na web, o Dia dos Pais tem movimentado volumes semelhantes ao Dia das Mães e ao Dia das Crianças, na casa dos R$ 1,5 bilhão de reais, com tíquete médio de R$ 424:

 

Entre as categorias mais procuradas na data estão:

 

Veja como Bing Ads contribui para os resultados dos seus negócios

 

 

No Bing Ads, nosso relacionamento com clientes e parceiros é primordial e é nossa missão proporcionar cada vez mais soluções, conteúdos e interações relevantes, para que contem conosco, no desafio de impulsionar e desenvolver seus resultados.

 

Queremos que você aproveite todo o potencial que esta época do ano pode trazer ao seu negócio e por isso preparamos uma lista de palavras chaves exclusiva de Dia dos Pais para turbinar as suas campanhas – realize o download e use a seu favor. Aproveite também os R$130 em créditos grátis que disponibilizamos para seus anúncios. Solicite o seu cupom e confira os benefícios de ser um anunciante Bing Ads!

Continuar lendo

Aproveite os Jogos Olímpicos para impulsionar suas campanhas

O maior evento esportivo do planeta começa no dia 06 de agosto e termina no dia 21 no Rio de Janeiro, sendo o Brasil o primeiro Pais da América do Sul a receber o mesmo. A organização espera receber de 300 a 500 mil turistas estrangeiros durante os jogos vindos de 90 países distintos, número que somado aos de turistas locais, pode chegar a 1 milhão de pessoas.

Olympics

Serão colocados à venda 7,3 milhões de ingressos, para competições acontecendo em 32 pontos diferentes do Rio de Janeiro. Tudo isso para aplaudir os mais de 10.500 atletas de 206 países.

A internet é o canal escolhido por 20% dos brasileiros para assistir às competições olímpicas, segundo identificou pesquisa realizada pela Hello Research, concentrando-se principalmente no horário noturno.

Em estudo encomendado pelo Ministério dos Esportes à Fundação Instituto de Administração (FIA) da Universidade de São Paulo (USP) estima-se que a competição possa movimentar cerca de US$ 51 bilhões em recursos e gerar 120 mil empregos, com impacto na economia brasileira chegando a R$ 102 bilhões, com o envolvimento de 55 setores da economia.

Com o Bing Ads você também pode criar suas campanhas para que sejam veiculadas em outros países, aproveite que este é um evento de grande visibilidade internacional e expanda seus negócios com uma audiência cada vez mais segmentada e diferenciada, explorando novas oportunidades.

 

Descubra as vantagens em ser um cliente Bing Ads

Olympics2

 

Preparamos uma série de detalhes e informações para que aproveite todo o potencial dessa época do ano e uma lista de palavras chaves de Olimpíadas para turbinar as suas campanhas. Aproveite também os R$130 em créditos grátis, que disponibilizamos para seus anúncios. Solicite o seu cupom e aproveite!

 

Como evitar problemas editoriais em suas campanhas

Se estiver fazendo lances em palavras-chaves relacionadas ao evento, minimize os problemas editoriais de sua campanha certificando-se de que seu anúncio é relevante e não viola nossa política de uso de marcas.

         I.            Relevância

Nossa política de relevância e qualidade está focada em quatro aspectos principais de sua campanha, que possam afetar a experiência do usuário:

·         Relevância de palavra-chave – Quão relevante são as palavras-chaves escolhidas?

·         Anúncio (título, texto e URL) – Você possui um anúncio altamente relevante, correto e bem escrito?

·         Página de Destino e experiência do usuário – Como a navegação em seu site e sua funcionalidade afetam seus usuários?

·         Página de destino e conteúdo de seu site – O seu site oferece conteúdo de valor aos seus usuários?

 

A não conformidade com as diretrizes de relevância e qualidade pode resultar na rejeição do anúncio ou penalidade. Certifique-se de que palavra-chave, anúncio e opções de páginas de destino cumpram as nossas políticas.

 

        II.            Uso de marca

Olympics3

 

 

Continuar lendo

Dia dos Namorados com Bing Ads

 bloemen

O cenário de crise político-econômica gerou oportunidades para que o comércio eletrônico se tornasse um dos principais aliados dos brasileiros para aquisição de produtos, uma vez que os consumidores já compreendem que através da Internet, surgem possibilidades de uma rápida e eficiente comparação de preços e, consequentemente, uma compra com melhor custo-benefício, na maioria das vezes.

Após vários anos de crescimento, as vendas do varejo brasileiro, acumularam queda de quase 4%, em 2015, de acordo com estimativas divulgadas pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE). O e-commerce do país, diferentemente deste panorama, registrou um crescimento de 3% no volume de pedidos, em 2015, movimentando R$ 41,3 bilhões, valor que representa um aumento nominal de 15,3%, se comparado ao registrado em 2014. Estima-se um total de 39,1 milhões de consumidores virtuais ativos, que realizaram pelo menos uma compra em 2015, volume 3% maior que em 2014.*

Para 2016 a estimativa é de que o faturamento do comércio eletrônico tenha um crescimento nominal de 8%, atingindo um total de R$ 44,6 bilhões, com 106,5 milhões de pedidos anuais, apresentando um tíquete médio de R$ 419, valor também 8% maior que o de 2015. *

Aproveite o Dia dos Namorados

A data oficial do Dia dos Namorados no Brasil em 2016  é 12 de junho e acontece um dia antes da celebração do dia de Santo Antônio, considerado o santo casamenteiro do país. Ela surge para melhorar o desempenho de vendas no meio do ano, em um período que costuma demonstrar certo arrefecimento nas compras.

Em 2015, conforme levantamento da Confederação Nacional de Dirigentes Lojistas (CNDL), os homens foram os que tiveram maior intenção de compra com 76,7% contra 59,6% entre as mulheres. Roupas foram os principais ítens escolhidos para presentear, com 46,5% das menções na pesquisa. Calçados tiveram 22,2%, perfumes ou cosméticos também 22,2%, acessórios de moda, 10,3% e o jantar romântico como presente, apresentou 8,1% das intenções da pesquisa.

Segundo apuração da Federação do Comércio de Bens, Serviços e Turismo (Fecomercio), em 2015 as vendas no Dia dos Namorados mantiveram-se relativamente estáveis em comparação ao mesmo período de 2014, apresentando uma pequena retração de 0,5%. No e-commerce, no entanto, o panorama é mais otimista. Só em 2015 foram R$1,43 bilhão de reais, com um ticket médio de R$ 404 por compra. *

Descubra as vantagens em ser um cliente Bing Ads

 

No Bing Ads, nosso relacionamento com clientes e parceiros é primordial e é nossa missão proporcionar cada vez mais soluções, conteúdos e interações relevantes, para que contem conosco, no desafio de impulsionar e desenvolver seus resultados.

Preparamos uma série de detalhes e informações para que aproveite todo o potencial dessa época do ano e uma lista de palavras chaves exclusiva de Dia dos Namorados para turbinar as suas campanhas. Aproveite também os R$130 em créditos grátis, que disponibilizamos para seus anúncios. Solicite o seu cupom e aproveite!

 

 

*FONTE: E-BIT/BUSCAPÉ

Continuar lendo

E-Leadership: a Liderança Millenium

x 

É comum notarmos em muitas das conversas entre as lideranças executivas de grandes empresas a temática “Perfil do Profissional Geração Millenium”. Muito se comenta e reclama sobre a postura dessa nova geração que beira a frustração, mas a verdade é que mais difícil do que lidar com esta geração, é encontrar lideranças “aspiracionais” que saibam aproveitar esses jovens. Chamamos estas lideranças de E-leaderships.

Todas as empresas vêm transformando e direcionando seu modelo de negócio para Drivers da Era Digital, no IAB Brasil temos esta pauta mensalmente em nossos comitês, mas algumas esquecem dos principais “condutores”: lideranças. Investe-se muito em estrutura de TI e treinamento para essas ferramentas, mas pouco na “reciclagem” de seus executivos. Raras as exceções, muitos líderes ainda continuam na postura “old-school”, reclamando da geração que é literalmente o “API” para as novas oportunidades mercadológicas.

Obviamente, os E-leaderships não precisam saber sobre códigos (nem API), nem arquitetura de informação, ou análise de big data, mas precisam estar de corpo e alma abertos às novas tendências. Muitas são as características a serem descritas para um verdadeiro E-Leadership, mas citarei neste artigo unicamente quatro, as quais considero o “ponto da virada” de um líder da geração Millenium.

A primeira é o estado de não ser mais “chefe”. Chefe é coisa do ontem (véio). Vivemos em uma economia cada vez mais colaborativa, então, liderança é aquele que sabe unir as peças no tabuleiro e vencer o jogo junto. Não existe um ganhador, mas sim o coletivo. Mesmo assim essa geração respeitará um líder, e esse será reconhecido pela segunda característica do E-leader: “inspiração”.

Nem poder técnico, nem admiração, a geração Millenium quer ser inspirada. Quer se levantar todos os dias e trabalhar com pessoas que vão fazê-las sonhar, acreditar mas, acima de tudo, realizar. Seja alguém inspirador antes de carismático. Dê a liberdade de criar e compartilhar suas ideias com todos e, mais do que nunca, não julgue ideias às quais continua ignorante.

A terceira característica é a coragem. Na Era digital muito se testa e muito se erra. É uma época empreendedora e muito inovadora. Prepare-se. Ninguém sabe, todos aprendem simultaneamente. As apostas são altas e quem se arrisca primeiro tende a maximizar os ganhos. Desafie-se e mostre sua coragem para seus liderados.

A última e mais difícil de mudar: crenças. Para não nos alongarmos, darei um exemplo. Quando um de seus “liderados” Millenium afirmar que o formato tradicional de televisão não existirá mais nos próximos 5 anos, que a geração Baby Boomer consumirá mais vídeo on line que novela, que um blog trará mais resultado que um patrocínio na quadra de tênis ou mesmo que a indústria de petróleo é fadada a falência, segue uma dica: não faça cara de pai entediado com ideias de adolescentes e lembre-se rapidamente que a “Terra do Nunca” não existe mais, afundou com Peter Pan e todos os outros personagens. Hoje vivemos na “Terra do Tudo é Possível” e você talvez seja o peixe fora d´agua, por isso escute, anote, procure encorajá-lo a trazer mais dados, aprenda e caso não tenha coragem de ser o pioneiro, acompanhe de perto todas as mudanças. Quem sabe, ainda, você saiba correr. #ficaadica, urgh! Coisa de véio.

Este artigo foi escrito a pedido do IAB Brasil  - http://iabbrasil.net/

Conheça o IAB Brasil:

Com mais de 230 associados, o IAB Brasil (Interactive Advertising Bureau) reúne as principais empresas do mercado digital entre veículos, agências, anunciantes e empresas de tecnologia. Entidade sem fins lucrativos, tem como missão contribuir para o desenvolvimento do segmento interativo no Brasil incentivando à criação de boas práticas em planejamento, criação, compra, venda, veiculação e mensuração de ações publicitárias.

Continuar lendo
Mostrar mais posts