Arquivo: Março 2015

A Páscoa está chegando e o Bing Ads ajuda você a turbinar suas campanhas

imagem pascoa

Nesta época do ano, alcance milhões de usuários no Brasil que buscam na rede Yahoo Bing Network e nos sites parceiros. Aumente a visibilidade dos seus produtos e serviços e atinja um público qualificado.

Por que anunciar no Bing?

· Os usuários do Bing gastam 103% mais online do que a média do usuário da internet.*

· Mais de 235 milhões de buscas mensais**

· Mais de 20 milhões usuários únicos**

Oportunidades

Para ajudá-lo com o desempenho de suas campanhas, separamos uma lista de palavras chaves para essa época do ano. Verifique quais palavras fazem mais sentido para o seu negócio, adicione, exclua e modifique a lista conforme suas necessidades.

(Faça o dowload da lista que preparamos para você)

Dicas para melhorar sua campanha

O Bing fornece recursos que auxiliam você a impulsionar seus resultados. Para o período da Páscoa, um recurso interessante para se implementar em sua campanha são as Extensões de Anúncios; elas ajudam a melhorar sua performance, aumentando a taxa de cliques e de conversões. Elas se dividem em três categorias:

Extensões de Links de Site:São links adicionais que você pode incluir em seus anúncios para levar os clientes diretamente para páginas específicas do seu site, possibilitando promover determinados produtos, serviços ou seções do seu site e conduzir os usuários até as informações de que eles precisam para realizarem as ações desejadas.

Extensões de Local:Facilita para que seus clientes encontrem o local da sua empresa, incluindo um endereço e número de telefone comercial diretamente em seus anúncios.

Extensões de Chamadas:Possibilita a inserção de um número de telefone diretamente no seu anúncio, seja em uma computador, tablet ou smartphone, e geram, em média, 10 a 15% mais cliques.

Coaching grátis para ajudar você a começar

Conte com a gente , nossos especialistas estão prontos para orienta-lo a planejar, criar e aprimorar seus anúncios. Tudo isso sem nenhum custo. Aproveite!

clip_image004

*comScore qSearch (custom), dezembro de 2014; the Yahoo Bing Network includes Microsoft and Yahoo search sites in Brazil and worldwide.

**comScore qSearch (custom), December 2014.  2. comScore qSearch, December 2014.

Continuar lendo

O Bing Ads Editor 10.7 chegou com edição de texto de palavras-chave, downloads mais rápidos e muito mais.

É com muito prazer que anunciamos a disponibilidade do Bing Ads Editor (BAE) 10.7, sua solução de desktop para gerenciamento de várias campanhas e de campanhas grandes. O Bing Ads Editor aprimorado foi repaginado com base em seus comentários, (em inglês), ostentando uma série de recursos novos e aprimorados desenvolvidos para ajudar você a produzir mais em menos tempo (em inglês). Isso inclui texto de palavra-chave editável, melhor obtenção/postagem de alterações, gerenciamento de segmentação por raio de alcance, mais rápido e melhorias de usabilidade em geral. 

 

Novidades

Aqui estão cinco atualizações que deverão melhorar sua experiência no Bing Ads Editor:

1. Texto de palavra-chave editável

Com esta versão aprimorada, agora você pode editar o texto de palavras-chave sincronizadas, o que permite a você gerenciar palavras-chave com mais eficiência. Graças a seus comentários, percebemos que essa era uma alteração importante, pois não poder editar o texto de palavras-chave depois da sincronização com a nuvem era um problema constante.

2. Melhor obtenção/postagem de alterações

Com a função Obter Alterações, agora você pode selecionar campanhas específicas para baixar, o que permite um controle mais granular sobre os dados que são baixados. Além disso, você pode escolher entre a opção Básico, que baixa somente os dados da campanha, e a opção Mais dados, que baixa as estimativas de lance de primeira página, estimativas de lance do topo da página e taxa de qualidade juntamente com os dados de sua campanha.

 

Com a opção Postar Alterações, agora você pode postar todas as alterações feitas na conta ou escolher campanhas específicas com as alterações que deseja postar.

 

3. Agora os alvos definidos por raio ficam sob a grade de segmentação regional

No ano passado, adicionamos a capacidade de gerenciar áreas-alvo na grade de segmentação regional. No novo BAE, melhoramos ainda mais a experiência com a inclusão do recurso para gerenciar alvos definidos por raio e também na grade de segmentação regional.

 

 

4. Logout:

Também adicionamos a capacidade de fazer logout de suas credenciais de usuário conectadas sem precisar fechar o Bing Ads Editor.

 

5. Aprimoramentos na usabilidade

Fizemos vários aprimoramentos nos recursos de navegação, painel de edição e barra de ações para tornar a navegação mais intuitiva, o que deve ajudar você a poupar tempo no gerenciamento de suas campanhas com o Editor.

 

 

Baixe o Editor 10.7 agora

Esta versão está sendo implantada e, portanto, você pode esperar ver uma solicitação para atualizar para a versão 10.7 ao abrir o Bing Ads Editor nas próximas semanas. Você também pode baixar a versão mais recente da página de download do BAE (em inglês) imediatamente.

Continuamos atentos. Então, continue postando sua opinião no Fórum, Twitter, (em inglês) ou deixe um comentário abaixo.

Obrigado.

Devang Gandhi

Gerente de programa da plataforma Bing Ads

Tags: Editorimportar e exportarPalavras-chaveRelatório e otimização

 

Continuar lendo

Migre suas etiquetas dos Dados analíticos de campanha para o Rastreamento universal de eventos antes que elas expirem

No último mês de outubro, o Bing Ads lançou o Rastreamento universal de eventos (UET), um substituto mais simples e poderoso de conversão e rastreamento de metas dos Dados analíticos de campanha.

Lembramos que em 31 de julho de 2015, o Bing Ads não aceitará mais as etiquetas (códigos de rastreamento) criadas nos Dados analíticos de campanha antes de julho de 2013. Isso significa que você não conseguirá mais rastrear as metas de conversão (por exemplo, vendas, inscrições etc.) e criar relatórios sobre elas com essas etiquetas. Os relatórios de histórico ainda estarão disponíveis, mas você vai querer substituir essas etiquetas o quanto antes. Para identificar se as suas etiquetas não serão mais aceitas, siga estas etapas:

  1. Faça logon em sua conta do Bing Ads.
  2. Navegue até os Dados analíticos de campanha (Ferramentas > Dados analíticos de campanha).
  3. Clique e exiba as metas que estão disponíveis
  4. Em cada meta, procure pelo domínio flex.atdmt.com na seção "Códigos de rastreamento".
  5. Se o seu código de rastreamento conter um domínio flex.atdmt.com, você precisará remover esse código de rastreamento de seu site e substituí-lo pelo código do Rastreamento universal de eventos. Se o seu código de rastreamento conter um domínio flex.msn.com, suas etiquetas continuarão a funcionar, mas recomendamos que você as substitua para poder aproveitar o UET.

6. Implementar o Rastreamento universal de eventos em seu site. Com o Rastreamento universal de eventos, você ganhará os seguintes benefícios:

 

  1. Uma maneira mais fácil de implementar etiquetas. Implemente apenas uma etiqueta em todo o seu site para todas as campanhas e contas. O UET também é compatível com as principais soluções de gerenciamento de marcações.
  2. Receba ideias e métricas aprimoradas, tais como duração média por visita, média de páginas por visita, total de visitas, taxas de devolução e controle a atribuição de conversões entre dispositivos.
  3. As etiquetas do UET também servem como etiquetas de remarketing, deixando suas campanhas prontas para o remarketing se você implementar o UET.

Em breve... remarketing em links patrocinados

Quando lançamos o UET, estabelecemos a base para a criação do remarketing em links patrocinados, um dos recursos mais aguardados pelos anunciantes. O remarketing em links patrocinados permite que você personalize suas campanhas de busca para os usuários que se comprometeram ou visitaram seu site anteriormente. Alcançar esse público-alvo de alto valor melhora o desempenho da sua campanha.

Para os anunciantes que estão interessados no remarketing em links patrocinados, o UET é um pré-requisito para começar. A partir desta semana, vamos implantar um piloto do remarketing em links patrocinados para selecionar anunciantes, e em breve ele estará disponível para todos os anunciantes. Para se preparar para o remarketing em links patrocinados, adicione a etiqueta do UET em todo o seu site da Web e site móvel hoje.

Recursos adicionais

Para obter informações adicionais sobre o UET, acesse alguns dos recursos abaixo para obter ajuda para começar:

Página da Web do UET

Guia de Implementação do UET

Práticas recomendadas e perguntas frequentes sobre o UET (em inglês)

Comentários? Perguntas? Acesse nossa discussão "Pergunte a um especialista" no LinkedIn (em inglês)... Terei imenso prazer em responder às perguntas sobre este tópico.

Etiquetas: dados analíticos de campanhaRastreamento de conversõesEm destaquepostagens em destaqueOtimizaçãorelatórios,rastreamento universal de eventos

Siga-nos no Twitter @BingAds | Curta-nos no Facebook | Participe conosco do LinkedIn | Conheça nossas ideias sobre liderança no SlideShare | Assista a nossos vídeos no YouTube | Crie sua conta no Blog do Bing Ads

 

 
Continuar lendo

Resumo das atualizações do Bing Ads: limites ampliados, atualizações de otimização, anotações e mais

2015 já está aqui e será excelente em todos os termos! Confira conosco, as novidades sobre nossas atualizações mais recentes.

Limites ampliados para contas e campanhas

Global | Disponível na interface do usuário da Web, na API, no Editor

Você sabia que agora pode ter até 5 milhões de palavras-chave por conta e até 20.000 grupos de anúncios por campanha? Para facilitar o gerenciamento e a importação, todos os clientes do Bing Ads agora podem ter 5 milhões de palavras-chave por conta, 5 milhões de palavras-chave negativas por conta e 50 milhões de palavras-chave por cliente.

Os limites disponíveis para todos os clientes incluem o seguinte:

Você poder obter mais informações sobre esses limites em nossa página da Central de ajuda.

 

O recurso Principais Impulsionadores agora está disponível globalmente

Global | Disponível na interface do usuário da Web

O recurso Principais Impulsionadores agora está disponível em todos os mercados do Bing Ads. Facilmente veja as campanhas e os grupos de anúncios que têm o maior impacto nas alterações de desempenho, assim como as possíveis causas para essas alterações. Lembre-se, você agora pode ver as alterações nas conversões, além dos cliques e gastos, um recurso solicitado pelos usuários que acabamos de adicionar à ferramenta.

Para obter mais informações sobre o recurso, confira o blog post do Jing Li (em inglês) ou visite nossa página da Ajuda para começar a usá-lo.

 

O recurso Cenário de Lances agora está disponível na página Oportunidades

Global | Interface do usuário da Web

Ajuste seus lances ao custo visual e às estimativas de cliques na página Oportunidades. Você pode acessar a exibição do Bid Landscape na coluna “lance sugerido” das oportunidades de lances na página Oportunidades. Use essa exibição para tomar decisões bem informadas antes de aplicar as oportunidades.

Para obter mais informações sobre o recurso Cenário de Lances, confira o post de Tracy Chen (em inglês) ou descubra como obter cliques visuais e estimativas de custos para suas palavras-chave.

 

O recurso Oportunidades de Orçamento agora está disponível globalmente

Global | Interface do usuário da Web

Tenha uma visão ampliada e instantânea para fazer ajustes no orçamento. Tome decisões bem informadas quando a campanha estiver fora do orçamento ou seus anúncios forem veiculados por tempo limitado devido a um baixo orçamento.

Agora, quando você tiver um status “limitada pelo orçamento” ou “campanha fora do orçamento”, você verá uma exibição ampliada de várias oportunidades de orçamento (em vez de uma sugestão de orçamento única) na guia Campanhas, o que é consistente com a experiência na página Oportunidades.

Para obter mais informações sobre o uso de sugestões de orçamento ou oportunidades do Bing Ads, confira esta página da Ajuda.

 

Edição em massa

Global | Interface do usuário da Web

Gerencie suas palavras-chave com mais facilidade! Em novembro de 2014, expandimos os recursos de edição em massa no Bing Ads online. Portanto, você pode fazer alterações em massa em tipos de correspondência de palavras-chave, lances de grupos de anúncios e em status de grupos de anúncios e anúncios.

Além disso, agora você pode fazer alterações de texto em massa nos próprios anúncios.

Alterações de texto de anúncio - JÁ À DISPOSIÇÃO

  • Localizar ou substituir
  • Adicionar texto a um campo
  • Alterar maiúsculas ou minúsculas

 

Para obter mais informações, confira a o post de Nikhil Arun (em inglês)

 

Acesso mais fácil ao suporte

Suporte por telefone: Global

Suporte via chat ao vivo: AU, NZ, IN, ID, MY, PH, SG, TH, VT, BR, LATAM, HK, TW

Interface do usuário da Web

Obtenha a ajuda necessária de forma rápida e fácil! O chat ao vivo foi ampliado para incluir os seguintes mercados: Austrália, Nova Zelândia, Indonésia, Índia, Malásia, Filipinas, Cingapura, Tailândia, Vietnã, Brasil, América Latina, Hong Kong e Taiwan. O suporte por telefone continua disponível em todo o mundo.

No momento, trabalhamos para expandir o chat ao vivo aos EUA e aos Países Baixos. Pretendemos oferecer chat ao vivo para todos os mercados com suporte até o fim de março.

 

Atualizações dos anúncios de produto

EUA | Interface do usuário da Web

1. Downloads de feed arquivado

Revise rapidamente e reenvie as ofertas de Anúncios de produto que foram rejeitadas. Caso haja alguma oferta de Anúncios de produto rejeitada, você agora pode revisá-la e baixar as ofertas do feed original, reexaminá-las e reenviá-las. Isso poupa o seu tempo, já que você não precisa reenviar o feed inteiro. Você também pode baixar o último feed carregado diretamente do Bing Merchant Center.

2. Rastreamento de processamento de catálogo para anúncios de produto

Por que imaginar? Veja o progresso de suas ofertas ao carregar o arquivo de catálogo imediatamente. Depois de carregar o catálogo no Bing Merchant Center, clique na guia Gerenciamento de Catálogo e clique no nome do catálogo. O rastreamento do processamento mostra vários estágios do pipeline de processamento, incluindo processamento inicial, verificação de formato de dados e revisão editorial. 

 

Fique atento!

Lançaremos a série O que vem por aí em 2015. Conheça os planos de líderes e colegas de equipe de várias áreas de engenharia do Bing Ads e alguns recursos no pipeline previstos para o ano. 

Obrigado.

Aurea

Tags: dados analíticos de campanhaEm destaquepostagens em destaqueRecursos e versõesPalavras-chave

Siga-nos no Twitter @BingAds | Curta-nos no Facebook | Participe conosco do LinkedIn | Conheça nossas ideias sobre liderança no SlideShare | Veja-nos no YouTube | Crie sua conta no Blog do Bing Ads

 

Continuar lendo

Devo contratar uma agência para gerenciar a minha campanha?

As perguntas que mais ouço em debates após palestras são relativas a preços. Independente do trabalho e ser executado, a conversa sempre começa pelo preço. Por um lado, as empresas precisam definir o “budget” (como é mais comum no jargão corporativo) ou em português claro: o orçamento anual para realizar determinadas iniciativas.

Quando se trata de tangíveis, como um stand numa feira, por exemplo, é menos complexo quantificar o investimento, mas um stand simples é bem mais barato que um stand construído, personalizado, todo decorado, e aí começam as enormes diferenças entre orçamentos triviais e projetos personalizados.

Na hora de investir em Marketing Digital, o desafio é o mesmo: como comparar entre diferentes agências, e com quais parâmetros?

Phone calling at night

Um exemplo prático, rápido e claro

Investir em Links Patrocinados é uma tática de Marketing Digital indispensável, é consenso entre quase todos os profissionais. Nem todo mundo consegue estar presente nos resultados orgânicos de busca, e conseguir bons resultados com SEO vem se tornando gradativamente mais caro e mais lento ao longo dos anos, fruto das inúmeras mudanças que os buscadores fazem constantemente, e da falta de investimento em Marketing de Conteúdo, para atender as demandas dos clientes com mais precisão.

Se uma empresa deseja anunciar para resultados de busca, pode fazer isso de diversas formas. Se uma empresa de limpeza de piscinas comprar o termo ‘piscina’ de forma ampla, pode chegar a pagar R$ 5,00 por clique numa palavra sem qualificação alguma, e gastar R$ 1.000 num mês para apenas 200 cliques, com retorno provavelmente muito baixo em termos de orçamentos e serviços efetivamente contratados. Parece exagero, mas não é um cenário incomum no mercado.

Por outro lado, se cria uma campanha com segmentação local, sitelinks, segmentada para homens e mulheres, dando lances maiores em palavras como [limpeza de piscina] e “tratamento de piscina”, pode conseguir gerar 1.000 cliques qualificados, com orçamentos muito mais direcionados e converter bem mais contratos de serviço.

A diferença entre ambos os casos é o conhecimento da estratégia a ser usada e o gerenciamento eficiente da verba da campanha. Provavelmente concordamos que o valor gerado para o negócio é muito maior no segundo caso do que no primeiro, mas o que se vê no dia-a-dia infelizmente ainda é a ineficiência de grande parte das campanhas, com cliques caros, poucas vendas e uma gestão pouco profissional de campanhas digitais.

Escolher a agência certa para gerenciar a campanha faz toda a diferença nos resultados, mas porque ainda se contrata tão mal no mercado? Porque a diferença entre uma campanha trivial e uma boa campanha pode ser de mais de 100% nos custos de gestão.

Ao comparar diferentes agências exclusivamente pelo preço, muitas empresas caem no erro de levar gato por lebre, gastarem dinheiro em campanhas ruins e acabar acreditando que aquele tipo de mídia não serve ao seu negócio. Não é raro também ver a própria área de marketing tentando administrar sozinha as campanhas, sem ter embasamento técnico para conseguir bons resultados.

Para atingir os melhores resultados, é bom comparar prestadores de serviço baseado em parâmetros realistas. Como existem agências dos mais diversos portes, é possível encontrar desde quem gerencia campanhas por R$ 200 mensais até quem não gerencia campanhas por menos de R$ 10.000.

Para facilitar a parametrização, é bom considerar algumas variáveis:

Para campanhas abaixo de R$ 1.000 mensais de investimento, haverá maior dificuldade em obter resultados excelentes em termos de cliques e vendas. Um bom valor de gestão para este volume de investimento irá variar entre R$ 400 e R$ 800, dependendo do tamanho da agência e da competência da equipe em gerenciar as campanhas. É comum que campanhas deste porte sejam gerenciadas por pequenas agências, com até 10 profissionais na equipe.

Para campanhas entre R$ 1.000 e R$ 5.000 mensais, é razoável considerar um valor de gestão variando entre R$ 900 e R$ 1.500 mensais. A variação dependerá do volume de trabalho dedicado a cada campanha, e cada agência cobra conforme um ou mais modelos de gestão: por número de horas, por porcentagem do investimento, por fixo mais porcentagem, ou por valor fixo por escopo de trabalho. Campanhas deste tamanho já demandarão a configuração de pixels ou tags de conversão, segmentação avançada de anúncios, criação de anúncios gráficos, além de eventualmente trabalharem com remarketing. Quanto maior o volume de trabalho, maior o trabalho de gestão envolvido.

Para campanhas de R$ 5.000 até R$ 10.000 mensais, o mercado já costuma trabalhar baseado na porcentagem do investimento, variando de 20 a 30% do investimento. Uma campanha que investe R$ 10.000 mensais, gera um custo de gestão de R$ 2.000 a R$ 3.000, portanto.

Para campanhas de mais de R$ 10.000 mensais, que representam uma pequena porcentagem do total das campanhas existentes atualmente, é comum que porcentagem seja menor conforme o investimento cresce. 18% para campanhas até R$ 20.000, 17% para campanhas até R$ 30.000, 14% para campanhas entre R$ 60.000 e R$ 100.000 mensais. Daí pra cima, a prática mais comum é ver equipes setoriais em grandes agências, mas elas são poucas, menos de 10 no país todo. Não é incomum ver campanhas com investimento de R$ 100.000 sendo gerenciadas por apenas um profissional, seja numa agência seja numa equipe in-house, e certamente não é suficiente.

Equipe interna ou agência?

Quando os volumes de investimento superam os R$ 10.000 mensais, muitas empresas começam a considerar a criação de equipes internas, o que nem sempre se mostra uma decisão lucrativa. Se uma agência especializada consegue gerar conversões a um custo médio de R$ 30 cada, conseguiria gerar 330 conversões num mês. Um profissional interno, na imensa maioria das vezes, não consegue emplacar o mesmo número de conversões, e uma queda de 10% nas conversões representaria 360 vendas a menos num ano. Se cada venda representar um lucro de R$ 100, isso representaria um lucro menor de R$ 36.000 no ano. Economizar R$ 1.000 por mês na gestão da agência, em troca de um profissional com salário menor, neste caso, significou um prejuízo de pelo menos R$ 20.000 (já descontando os custos trabalhistas).

É uma conta simplória, mas que não é feita pela maioria dos empreendedores na hora de tomar a decisão do que fazer. Como o mundo digital ainda é muito novo e incompreensível para a maioria dos empreendedores, é comum ver situações dessas acontecendo.

Na outra mão, há também uma tendência da criação de equipes internas para grandes projetos, uma necessidade natural para negócios cuja existência depende da mídia online. Equipes dedicadas tenderão a dar uma atenção integral ao projeto, o que praticamente não existirá dentro das agências. Mas conforme o volume de trabalho cresce e as tarefas internas se multiplicam, há também o risco da equipe ficar defasada em relações às novidades do mercado, às alterações nas ferramentas e tecnologias, além da menor troca de experiências entre profissionais e contas de diferentes mercados. É preciso investir em treinamento, qualificação e atualização do time, para não perder tempo e dinheiro.

Requisitos básicos

Antes de decidir formar uma equipe ou contratar uma agência, é preciso considerar também os requisitos básicos:

A agência possui as certificações das ferramentas de busca?

A campanha é de propriedade do cliente ou da agência? Ao encerrar o contrato, agência entrega o acesso da conta para o cliente?

Qual a meta mínima de cliques?

Qual o escopo do gerenciamento a ser contratado?

O foco da campanha é gerar visitas ou conversões?

O planejamento entregue está alinhado com os objetivos da empresa?

O custo do gerenciamento é compatível com a realidade do mercado? Se é diferente, existentes justificativas?

Avaliando e comparando de forma embasada diferentes propostas, é mais provável atingir resultados sustentáveis no longo prazo!

Continuar lendo
Mostrar mais posts